livroseflores@outlook.com.br Image Map

Resenha: Passeio Noturno – Everaldo Rodrigues


PASSEIO NOTURNO
Autor:
Everaldo Rodrigues
ISBN: B00WOLDUI2
Ano: 2015
Páginas: 378
Editora: Amazon Ebooks
Sinopse: O terror precisa de climas: o farfalhar de uma árvore, o rangido úmido de uma porta velha, o passo logo atrás quando se olha apenas a escuridão à sua frente…  Mas o terror também pode surgir em calores estonteantes, em cidades que fervilham… em ambos os casos, entretanto, ele precisa atingir quem menos espera.  Um jovem jornalista se vê sofrendo de um estranho prurido que o consome devagar, física e mentalmente, até se transformar em algo aterrorizante. Uma família é assombrada pelo espectro do cachorro de estimação, morto atropelado, e quem antes era o protetor agora parece uma monstruosa ameaça. Um vilarejo é ameaçado por absurdos casos de combustão humana, e quando dois parentes se unem para desvendar o mistério, o maior pecado do povoado pode acabar sendo revelado.  Em sua primeira coletânea, o escritor Everaldo Rodrigues apresenta oito histórias, entre contos e novelas, com personagens comuns, que vivem suas vidas normalmente até o inesperado, o surreal e o horrível quebrar suas rotinas. Seja pelo sobrenatural de “Condomínio fechado”, onde um vigia noturno se vê obrigado a enfrentar uma estranha criatura das trevas, seja pelo desumano em “Um corpo, um barranco, um galpão”, quando três amigos se envolvem em um turbilhão de violência e morte em uma tarde chuvosa, o autor expõe seus personagens, e num virar de páginas, transforma suas vidas em um inferno. E são poucos os que sobrevivem às loucuras do terror.


Eu já conhecia o autor pelos seus vídeos no Youtube e me interessei bastante por esse livro, principalmente depois de ter ouvido outros youtubers e amigos falarem tão bem dos contos. Infelizmente não sou uma compradora assídua da Amazon, mas tive uma oportunidade e não titubeei e o comprei. Ele ficou esperando ser sorteado da jarra e quando foi, pode ter certeza que não me arrependi absolutamente de tê-lo comprado.

O livro é dividido em 8 contos e vou fazer breves comentários de cada um:
O primeiro chama-se Coceira e trata sobre um rapaz, jornalista, que se vê atormentado por uma coceira que não alivia de forma alguma e que passa a atormentar todos os aspectos de sua vida. Gostei bastante do desenrolar e não posso falar quase nada que será um baita spoiler, mas afirmo que é furúnculo do mal.

O próximo conto é Tobey que fala sobre um cão que oferecia proteção à família e morre num trágico acidente, mas não vai embora e começa a deixar a família assustada. Esse conto foi um dos que mais me surpreenderam no final.

Depois vem O Envelope (ou “não pronuncie o nome de Deus em vão”) aqui um rapaz recebe um envelope e uma recomendação de uma senhora, mas será que ele resiste a tentação? Vemos que o proibido sempre se torna mais atraente.

Em seguida temos o conto Um barranco, um corpo, um galpão em que três amigos num dia de muita chuva se envolvem com violência e morte, muita confusão e onde nada mais será como antes na vida de ninguém que sobreviva a esse dia.

O quinto conto chama-se O Mendigo e fala sobre um mendigo que vivia no centro de uma cidade até que é notado pela população local e que misteriosamente desaparece. Quando reaparece está mudado e quem narra a história percebe que há algo mais ali, resolve investigar quem é o mendigo e o que houve com ele, mas nada sai como o planejado.

O próximo conto é O Estranho caso de Casper Ville, uma pequena cidade do interior onde alguns moradores entram em combustão espontânea de forma inexplicável. Um antigo morador volta para sepultar o corpo de um familiar quando se vê no meio desse estranho fenômeno e todos são obrigados a confessarem seus pecados.

Seguido por Condomínio Fechado e que foi o conto que mais gostei. Aqui o vigia noturno percebe que há algo de errado e quando vai investigar se vê frente-a-frente com algo sobrenatural.

E por fim tem Maribondos, um conto onde um pai nota um ninho de maribondos no quintal pouco antes de seu filho, alérgico à insetos, chegar em em sua casa para passar o fim de semana, mas nada se mostra tão simples e seria muito melhor deixar certas coisas quietas...

Amei o livro e recomendo muito a leitura!



ENCONTRE-ME:
Facebook  Skoob  Twitter  Instagram