livroseflores@outlook.com.br Image Map

Resenha: Que falta você me faz - Harlan Coben


QUE FALTA VOCÊ ME FAZ
Autor: Harlan Coben
Ano: 2015
Páginas: 368
Idioma: português
Editora: Arqueiro
Sinopse: Dezoito anos se passaram desde que a detetive Kat Donovan sofreu as maiores perdas de sua vida: a morte do pai e o fim do relacionamento com o noivo. Foram dois acontecimentos muito bruscos que ela ainda não conseguiu superar totalmente, mas, no dia a dia, prefere não pensar muito nisso. Contudo, de uma só vez, essas duas feridas voltam a se abrir. Ao saber que o assassino de seu pai será executado, Kat resolve ter uma conversa com ele para esclarecer o caso. Mas o homem nega a autoria, dizendo que foi obrigado a confessar o crime, e ela acaba ficando com mais dúvidas. Ao mesmo tempo, a detetive é procurada por um garoto que acredita que a mãe está desaparecida. Sem entender por que o adolescente insiste que ela, e não um outro policial, investigue o caso, Kat descobre que o sumiço está relacionado a seu ex-noivo e a um site de relacionamentos. Lidando com dois casos simultâneos, ela decide seguir em frente com as investigações, mesmo que todos ao seu redor tentem dissuadi-la disso. Determinada, Kat trabalha segundo suas emoções, e a intuição lhe diz que ela não deve desistir. Neste livro, mais uma vez Harlan Coben trata de perigos e riscos que podem estar mais próximos da nossa realidade do que se imagina. O resultado é um romance instigante que traça um cenário verossímil e impactante, fazendo um alerta para ameaças atuais que rondam nosso mundo virtual.



“Que falta você me faz”, título original “Missing you”, foi escrito por Harlan Coben, traduzido por Marcelo Mendes e publicado no Brasil em 2015 pela Editora Arqueiro. O livro contém 368 páginas divididas em 44 capítulos. Não possui prólogo e nem epílogo e a narrativa é feita em terceira pessoa. O livro foi cedido em parceria com a Editora.

Nessa obra somos apresentados à Kat Donovan, detetive do distrito de Nova York, que sofreu duas grandes perdas: a morte do seu pai, que também era policial, e o fim do relacionamento com Jeff Raynes, seu noivo.

Dezoito anos se passaram desde esses eventos e ainda assim Kat não conseguiu superar totalmente os fatos e, para ajudar, de uma vez só essas duas feridas voltam a se abrir.


Ao saber que o assassino de seu pai será executado, Kat resolve ter uma conversa com ele para esclarecer o caso e nessa conversa tem uma surpresa. Novos acontecimentos vêm à tona. Ao mesmo tempo, a detetive é procurada por um garoto chamado Brandon que acredita que a mãe está desaparecida. Brandon insiste que seja Kat a investigar o caso e sem entender por que disso, ela descobre que o sumiço está relacionado a seu ex-noivo e a um site de relacionamentos.

Kat Donovan, a personagem principal, é muito bem construída. E isso é algo que eu prezo muito em minhas leituras. Poucos sabem, mas Harlan Coben é meu autor favorito. E fico feliz em afirmar que ele não me decepciona.


Gente, que livro maravilhoso! O autor pensa em cada detalhe de maneira a não deixar pontas soltas e isso é um ponto super positivo. Além disso, os diálogos são muito bem elaborados e cada cena se encaixa perfeitamente uma na outra.

Não se deixe enganar pelo título do livro! Ele pode revelar-se um tanto quanto sugestivo, mas, na realidade, de romance meloso não tem nada. Pelo contrário, o livro é ação do começo ao fim. E ao realizar a leitura, você irá entender quão pertinente esse título é.



Apesar de ter conseguido deduzir quem era o assassino que Kat procurava, o que me surpreendeu foram os motivos que o impulsionaram a cometer o crime. E a maneira como o autor conduziu essa descoberta também foi muito inteligente. Os últimos capítulos do livro são os melhores! <3 Recomendo o livro a todos os fãs do Coben, a quem tem curiosidade em saber como é a escrita do autor e a todos bons fãs de livros policiais.


ENCONTRE-ME: