livroseflores@outlook.com.br Image Map

Resenha: filme razão e sensibilidade


Onde comprar: Saraiva|Submarino|Americanas
Lançamento:  1 de março de 1996 
Duração: 2h15min
Dirigido por: Ang Lee
Com: Emma Thompson, Kate Winslet, Hugh Grant mais
Gênero: Drama
Nacionalidade: Reino Unido , EUA
Sinopse: Em virtude da morte do marido, uma viúva e as três filhas passam a enfrentar dificuldades financeiras, pois praticamente toda a herança foi para um filho do primeiro casamento, que ignora a promessa feita no leito de morte de seu pai que ampararia as meias-irmãs. Neste contexto, enquanto uma irmã prática (Emma Thompson), usando a razão como principal forma de conduzir as situações, a outra (Kate Winslet) se mostra emotiva, sem se reprimir nunca com uma sensibilidade flor da pele. 
"Razão e Sensibilidade" é uma adaptação da obra de mesmo título escrita por Jane Austen. O filme possui quase 19 anos e continua fazendo sucesso. Dirigido por Ang Lee, foi lançado em março de 1996, e conta com Emma Thompson interpretando Elinor e Kate Winslet como Marianne.

Logo após o término da leitura de Razão e Sensibilidade (confira a resenha clicando aqui), livro que faz parte do Projeto Lendo Jane Austen, resolvi assistir ao filme. Não somente para comparar obra e adaptação, mas para concretizar em imagens a maravilhosa história escrita por Austen.

Sou uma pessoa que compreende as necessárias mudanças feitas pelos roteiristas entre livro e adaptação. Existem coisas no livro que não ficariam tão legais em tela, como são nas páginas, e disso esses profissionais entendem melhor que eu, leiga no assunto. Então, isso faz com que a maioria dos filmes não se torne uma eterna decepção para mim.

Com "Razão e Sensibilidade" não foi diferente. Eu gostei muito do filme! Achei-o intenso, sagaz e emocionante. Todavia, não chega nem perto de toda a grandeza do livro. É evidente que, como em qualquer outra adaptação, algumas cenas foram cortadas e outras modificadas.

Emma Thompson, Hugh Grant e Kate Winslet atuaram muito bem neste filme. Conseguiram captar a essência de cada personagem com maestria. O filme foi indicado ao Oscar em sua época e foi vencedor na categoria de melhor roteiro adaptado. Além disso, na époa, foi a primeira adaptação cinematográfica de uma obra de Jane Austen em 50 anos. 

Curiosidade: Ang Lee, o diretor, não tinha lido o livro de Jane Austen quando a Columbia mandou para ele o roteiro de Emma Thompson.


Até a próxima! :)


ENCONTRE-ME: